Normas de publicação

Critérios para publicação

  • A Africana Studia só publica trabalhos inéditos.
  • A Africana Studia aceita trabalhos científicos de qualquer área de investigação cuja temática seja África e sociedades africanas.
  • Os trabalhos só poderão ser aceites em português, inglês ou francês.

 

Normas para apresentação de originais 

  • Os originais devem chegar no programa WORD para Windows ao seguinte endereço eletrónico: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Os originais devem vir acompanhados pela identificação do autor (nome, instituição e contactos)
  • O corpo de letra deverá ser em fonte Arial ou Times New Roman. Tamanho: 12 pontos para o corpo do texto e 10 pontos para as notas. Espaço entre linhas: 1,5.
  • As imagens (mapas, quadros, figuras, fotografias, etc.) devem ser numeradas de 01 em diante. A localização de cada imagem no texto deve ser indicada pelo autor. As imagens devem ser entregues em ficheiros individuais (com a extensão XLS para ficheiros Excel ou JPEG, TIFF ou EPS). As imagens devem ter no mínimo 10 x 6 cm com 1200 x 800 pixel (300 dpi).
  • Os artigos terão no máximo 70.000 caracteres, incluindo espaços, notas e bibliografia (não serão contadas as imagens).
  • Cada artigo será acompanhado de resumos em duas línguas escolhidas do seguinte conjunto: português e/ou inglês e/ou francês e/ou árabe. Cada resumo não poderá ultrapassar um máximo de 1.000 caracteres do alfabeto latino. O resumo deverá incluir um conjunto de palavras-chave (máximo de quatro).
  • As recensões não poderão exceder os 25.000 caracteres.

 

Normas de revisão e citação bibliográfica 

  • Os autores terão a possibilidade de rever provas dos seus trabalhos.
  • Os autores comprometem-se a devolver as provas uma semana após o seu envio. Em caso de indisponibilidade, deverão declarar por escrito que prescindem dessa revisão de autor.
  • As referências a autores, no texto, seguem a norma (autor, ano: página).
    • Exemplo: (Rodrigues, 2000: 15)
  • Se houver uma referência a um mesmo autor no mesmo ano, este deve ser acrescido de uma letra minúscula.
    • Ex: (Rodrigues, 2000a: 15).
  • Se a referência citada for de vários autores ficará:
    • (Rodrigues et al., 2000: 15).
  • As transcrições deverão ser em itálico, assim como quaisquer vocábulos em língua estrangeira.
  • As notas de rodapé e outras deverão limitar-se a informações complementares de interesse substantivo, não ultrapassando cinco linhas em corpo 10.
  • A lista das Referências Bibliográficas será colocada no fim do artigo e deverá conter apenas as referências introduzidas no texto, listando-as por ordem alfabética e por ordem cronológica crescente quando forem do mesmo autor.
  • A bibliografia deve seguir os seguintes exemplos:
  • Livros: Rodrigues, Carlos (2001), Os novos poderes em África, Porto: Campo das Letras.
  • Colectâneas: Rodrigues, Carlos, Matos, A. e Silva, António, orgs. (2002), Os novos poderes em África, Porto: Campo das Letras.
  • Artigos em revistas: Rodrigues, Carlos (2001), Os novos poderes em África, Africana Studia, nº (ou vol.) 8, págs. 12 a 35.
  • Artigos/capítulos em colectâneas: Matos, A. (2002), Os novos políticos africanos. In: Rodrigues, Carlos, Matos, A. e Silva, António (orgs.), Os novos poderes em África, Porto: Campo das Letras.
  • As traduções deverão indicar sempre que possível o ano da primeira publicação.
  • Nas Referências Bibliográficas eletrónicas deverá indicar-se sempre o site/path, a data do artigo e a data da consulta
    • Ex. Portal da Língua Portuguesa, 2011. Vocabulário ortográfico do português [Em linha]. [Consult.21mar.2012].
    • Disponível em: http://portaldalinguaportuguesa.org
  • As referências das fontes primárias deverão vir em notas de rodapé e começar pelo acrónimo do arquivo/instituição, seguindo-se as unidades de arquivo numa ordem do geral ao particular.
  • Exemplo:
    • AHU, maço 1665.1 – Governo de Angola, SNI, Nota nº 136, 02-01-1935
  • Os acrónimos deverão ser desdobrados na lista das Referências Bibliográficas.

 

Após a publicação, os direitos de autor passam a ser pertença da Africana Studia.

As imagens, no caso de serem originais e enviadas por via postal, serão devolvidas se assim for explicitado pelos autores.

 

 

Apoio

Unidade I&D integrada no projeto com referência UID/HIS/0495/2016.

 

Contactos

Centro de Estudos Africanos da Universidade do Porto
Via panorâmica, s/n
4150-564 Porto
Portugal

+351 22 607 71 41
ceaup@letras.up.pt