Entrevista com Sinam Mohamad (Representante do TEV-DEM – região de ROJAVA)


https://www.youtube.com/watch?v=u4Ht5_OG8uw

 

O movimento social de Rojava – uma entrevista com Sinam Mohammad

A partir de 2014, as populações curdas do Norte da Síria conquistaram uma autonomia de facto perante o governo de Damasco. Fizeram-no, à semelhança do que também estava a acontecer há mais tempo no Norte do Iraque, num contexto de invasões externas e contra milícias jihadistas apoiadas do exterior.

Apesar disso, nas regiões controladas pelas organizações curdas do Norte da Síria, desenvolveu-se uma experiencia marcada por praticas igualitárias e de tolerância politica. A par do seu combate ao Estado Islâmico, tais politicas tornaram de novo os curdos mediáticos nos países ocidentais, mesmo naqueles cujos governos mais contribuíam para a continuação da guerra na Síria.

Em 2016, em plena guerra contra o E.I., o CEAUP entrevistou a representante nos Estados Unidos  do governo regional de Rojava, a Srª Sinam Mohamad. Ao longo de mais de uma hora, essa delegada respondeu a várias questões sobre o movimento curdo na Siria.

Considerando a habitual falta de visibilidade que é dada aos atores locais do Médio Oriente, especialmente nos media ocidentais, a publicação desta entrevista, que só agora fazemos, mantém a sua plena atualidade.

 

The Social Moviment of Rojava – an interview with Sinam Mohammad

From 2014 onwards, the Kurds of Northern Syria conquered a de facto autonomy from the Government of Damascus. As in Northern Iraq, this Kurdish autonomy was obtained in a context of foreign invasions and combats against foreign-backed jihadists militias.

In spite of that, an igualitarian and tolerant political experience took place in the Kurdish controlled areas. Together with their struggle against the Islamic State, such policies made the Kurdish mediatic again, even in the Western States more involved in the Syrian war.

In 2016, at the peak of the combat against the I.S., a CEAUP team interviewed the delegate of the Rojava Government in the USA, Ms Sinam Mohamad. Over more than one hour, she talked about  several issues of the Kurdish movement in Syria.

  


©:
É permitida a cópia de partes deste documento, sem qualquer modificação, para utilização individual. A reprodução de partes do seu conteúdo é permitida exclusivamente em documentos científicos, com indicação expressa da fonte.
Não é permitida qualquer utilização comercial. Não é permitida a sua disponibilização através de rede electrónica ou qualquer forma de partilha electrónica.
Em caso de dúvida ou pedido de autorização, contactar directamente o CEAUP.

Se encontrou alguma dificuldade ou a procura gerou algum erro, informe-nos e consulte-nos por e-mail.

 

Apoio

Unidade I&D integrada no projeto com referência UID/HIS/00495/2019.

 

Contactos

Centro de Estudos Africanos da Universidade do Porto
Via panorâmica, s/n
4150-564 Porto
Portugal

+351 22 607 71 41
ceaup@letras.up.pt